Calo ou Falo
Este corte,/ A boca, /Meu melhor açoite;/Sangra palavras!
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


TERA

Ele vivia quieto no seu mundo das nuvens...
Querem agora desalojá-lo
Com a desculpa
De espaço para arquivos digitais.

Com os seus pertences, passante,
Confundem-o-no com algum artista,
Seus livros sagrados em colete
Circundando o abdômen:

O Alcorão, a Bíblia,
O Tao-te-king, o Bhagavad Gita.
Para uns é espião, para outros, terrorista.

Foi visto vagando pela rua;
Diz a todos que foi procurar por vagas
No outro lado da lua!
Luís Carlos Oliveira Aseokaynha
Enviado por Luís Carlos Oliveira Aseokaynha em 04/01/2018
Alterado em 06/01/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários